Mobilizar a Integração da Atividade de M&A

O Diretor de Integração, escritor e palestrante Danny A. Davis, cujo livro “M&A integration: how to do it” é utilizado por escolas de Administração de Empresas em todo o mundo, fala sobre integração, com base em alguns dos seus deals.


14/03/2016

A primeira pergunta sempre feita é quando começar, e a resposta é: o mais rápido possível. Comece com suas sinergias e as mudanças essenciais que precisam ocorrer para alcançá-las. Planeje resultados com antecedência e crie um plano de alto nível também no início. Os funcionários é que tornam essas mudanças e números reais; assim, é fundamental envolvê-los e mobilizá-los com algum esforço de governança.

O momento em que ocorre a integração é muito importante. Quanto mais cedo começarmos, mais cedo poderemos conquistar parte de nossas sinergias, e cada momento pode significar mais lucro. O planejamento da integração pode começar vários meses antes do deal, com a mobilização da equipe após a certeza de que este ocorrerá e com a máxima brevidade na concretização dos planos.

A análise precoce e de alto nível das sinergias deve atingir rapidamente um nível de detalhamento, já que isso permite que se revelem as questões mais importantes relacionadas ao modo como a nova entidade deve ser administrada. Será que a empresa funcionará como a empresa A ou B ou como uma combinação do melhor de ambas de outro modo? Quanto antes pudermos responder a essas perguntas, mais rapidamente poderemos iniciar o planejamento detalhado e a implementação dos planos.

As pessoas são a chave para proporcionarmos tudo isso. Costumo conduzir uma sessão de treinamento de integração na atividade de M&A, geralmente chamada de workshop de mobilização, para os 50 a 100 principais funcionários, realizando também uma assessoria sobre a integração para elas. Essas sessões iniciais permitem que as pessoas se sintam confortáveis com os resultados que precisam fornecer e com a forma de interação destes com outros fluxos de trabalho. Designe números (sinergias) às pessoas. John precisa gerar 6 milhões de libras em sinergia, até o 18º mês após o deal.

Agora que você definiu os objetivos de alto nível para a integração, juntamente com diretrizes e sinergias de alto nível, já pode marcar seu workshop de alinhamento executivo e dar início à gestão do negócio. Avise se precisar de ajuda, pois posso fornecer algumas listas de verificação e modelos bem úteis.

Você está no meio do processo de coleta de dados e análise sobre o modo de operação da empresa-alvo. Garanta que haja fluxos em curso adequados para: Preparação para o primeiro dia, análise do cliente, entendimento sobre as pessoas, preparação para a integração, avaliação das partes interessadas, análise de riscos, gestão de conhecimento e análise de produtos. Dê início a todos os fluxos de trabalho funcionais. Além disso, se houver várias regiões geográficas ou negócios envolvidos, talvez fluxos de trabalho adicionais sejam necessários por país, divisão e região.



Danny A. Davis

Danny A. Davis

Danny A. Davis is a director, writer and speaker. Throughout his career, his experiences have included pre-deal integration planning on a 50,000 person purchase of a 25,000 person company a $6bn global deal running the European side across 30 countries, 250 business units, 26 functions, training over 100 companies on M&A integration and coaching a global telco through all its deals.

Fique por dentro

Inscreva-se em nossa newsletter para receber análises de mercado e inspirações de liderança imperdíveis diretamente no seu e-mail. Esta newsletter será enviada em inglês.